Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

NEOABJECCIONISMO

O abjeccionismo baseia-se na resposta de cada um à pergunta: QUE PODE FAZER UM HOMEM DESESPERADO QUANDO O AR É UM VÓMITO E NÓS SERES ABJECTOS?- Pedro Oom .-As palavras são meras formalidades... O NEOABJECCIONISMO, n

NEOABJECCIONISMO

O abjeccionismo baseia-se na resposta de cada um à pergunta: QUE PODE FAZER UM HOMEM DESESPERADO QUANDO O AR É UM VÓMITO E NÓS SERES ABJECTOS?- Pedro Oom .-As palavras são meras formalidades... O NEOABJECCIONISMO, n

10
Nov10

CORRENTES DE ALMA...

NEOABJECCIONISMO

 

tela de Carla Cunha

 

{#emotions_dlg.blueflower}

sob os azuis o brilho arrepiante

da emoção que a alma sente

olho os caminhos branqueados de rompante

e vejo a arte em fogo ardente

{#emotions_dlg.blueflower}

vejo a pintora de vestido leve

que na agitação da alma se passeia inquieta

em volta da tela fixa um olhar breve

sobre a poesia que rompe da poeta

{#emotions_dlg.blueflower}

a cada impulso o traço se acentua

azul cobalto azul de maresia

nervos da carne neurónios pincelada crua

caminhos onde bifurca a poesia

{#emotions_dlg.blueflower}

posso decifrar tentáculos de asfixia

uma brisa suave e mansa abana a vestimenta

a pintora se afaga e sorri de alegria

na mão o pincel é a alma que a cor pavimenta

{#emotions_dlg.blueflower}

desço a corrente de tons azulados

imagino a beleza abissal do mar profundo

que a tela exibe em sonhos rasgados

onde me detenho louco e de fora do mundo

{#emotions_dlg.blueflower}

ah se as palavras pintassem suavidade

se a pintora encontrasse a razão

se na cor onde avulta secreta sensualidade

o poeta sentisse o que norteia a mão

{#emotions_dlg.blueflower}

melhor é seguir a corrente da alma sibilina

de onde se espevita  bela a esperança

a tela é da pintora a paz da sedução feminina

que exala amor e me propõe uma aliança...

{#emotions_dlg.blueflower}

autor: jrg


 


 

05
Out10

ARCO - ÌRIS

NEOABJECCIONISMO

 

{#emotions_dlg.bouquete}
recordo a fascinante alegria
quando o sol Primaveril
me soltava da chuva a magia
ao meu olhar infantil
{#emotions_dlg.blueflower}
sinto a mão firme ao clicar
a lembrança de menina
arco-ìris céu azul a se soltar
uma lágrima pequenina
{#emotions_dlg.sol}
a silhueta dos ramos desfloridos
mãos erguidas de esperança
côres maviosas de alegres sortidos
risos cristalinos de criança
{#emotions_dlg.rainbow}
terra escura olhos mágicos
amarelo verde rosa
fenómeno efeitos cósmicos
que o meu poema glosa
{#emotions_dlg.meeting}
nesta arte maior meu sortilégio
no sentir a alma da imagem
saída da essência do ser egrégio
que sente e fixa com coragem
{#emotions_dlg.orangeflower}
sensível ao toque ao movimento
dentro e fora do corpo à luz
a simbiose de todo um sentimento
de quem ama e de amor seduz
{#emotions_dlg.lua}

agora já não estranho o sentido
ou semelhança com provocação
do sorriso nos lábios contraído
antes lhe acho a alma o coração
autor :jrg

05
Out10

LIBERDADE...

NEOABJECCIONISMO

 

{#emotions_dlg.bouquete}
em Marvão entre muralhas
as grades da solidão
são nostalgias que talhas
no fundo do coração
*
tão bela a planicie doirada
serena no teu olhar
por entre grades gravada
para de noite sonhar
*
na memória de quem sonha liberdade
a imagem tem um sentido perverso
as grades simbolizam prisão na verdade
como o sorriso oculta estado inverso
*
na alma que fixa a objectiva
sonha da solidão a dor
dando forma à imagem positiva
sensível motivo interior
*
tirado o véu que sempre oculta
do imaginário a razão
a foto é liberdade onde avulta
alma pura de emoção
**
autor: jrg

 

03
Out10

EFABULAÇÕES SOLARES...

NEOABJECCIONISMO

 

{#emotions_dlg.sol}
o poeta sente na imagem a poesia
que a fotógrafa capta com emoção
o sol se liquefaz de alegria
por entre as cores do dia em explosão
{#emotions_dlg.blueflower}
parou por um momento a condução
tal o efeito que no olhar sentiu
mal podia conter o frenesim do coração
para fixar a imagem que eclodiu
{#emotions_dlg.redflower}
o poeta ao ver tão belo enquadramento
na simbiose da cor a luz subtil
regista palavras no poema em movimento
que a imagem da foto torna inútil
{#emotions_dlg.star}
os dois trocam olhares de cumplicidade
a fotógrafa tem na alma o Alentejo
o poeta nos olhos o mar de sensibilidade
o sol que já foi deus d'amplo cortejo
{#emotions_dlg.bouquete}
na memória do homem ainda o fascínio
que exalta a emoção pelo poente
só gera amores livres do domínio
por ser a arte deste belo a componente
autor do poema: jrg


29
Ago10

PRIMEIRA IMPRESSÃO

NEOABJECCIONISMO

 

 

{#emotions_dlg.bouquete}

 

no mundo de nuti

ao entrar

encontro de frente

o sonho e a arte

de mãos dadas

entre flores e o mar

***

no mundo de nuti

há cores e cheiros

que se cruzam vapores

por entre casas barcos

e campos de flores

perfumadas odores

***

no mundo de nuti

há a luz do sol o luar

e brilhos que saltam

dos seus olhos

abismos do ser mulher

infinitude

***

no mundo de nuti

ao sair

fica a sensualidade

da côr aroma sabor

o traço geométrico

o abstracto o amor

que a arte intromete

***

no mundo de nuti

há luxúria e encanto

pôr do sol expoente

equilibrios

em formas de gente

e alma que mexe


autor: JRG

 


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa útil - home - pesquisa avançada - últimos posts - tops / estatísticas direito de resposta - área de utilizador - logout informação - ajuda / faqs - sobre o blog.com.pt - contacto - o nosso blog - blog.com.pt no Twitter - termos e condições - publicidade parceiros e patrocinadores