12 comentários:
De Praia do Sol a 27 de Julho de 2008 às 16:42
Antes do mais, Boa tarde Sr. "Neo".
Ao longo destes ultimos meses é neste seu blog que venho ler coisas que gosto e que por acaso descobri.
Possui uma sensibilidade fora do normal e uma modéstia atroz. É claro que para nós, simples mortais, seria mais cómodo ter todas estas belas coisas reunidas num só local e à mão em qualquer sitío.
Só me resta aqui vir aqui de quando em quando, sempre com prazer.
Adeus e até à próxima.
De NEOABJECCIONISMO a 27 de Julho de 2008 às 18:08
Praia do Sol. É a segunda vez que comentas o meu trabalho e fico feliz por te ver surgir. Praia do Sol induz-me a pensar que só podes ser uma pessoa de mim, ou próxima de mim. Porque é um nome geracional. Que me traz à memória um tempo em que eu era triste e só. Ainda antes de pensar que tinha o mundo a meus pés, e era mentira. Daí estas nostalgias, porque é um tempo que está a voltar. E que se aproxima perigosamente do estado absoluto de solidão. E eu temo esse tempo, mas sinto que não fui suficiente para o travar.
Um abraço de amigo
De samsara a 27 de Julho de 2008 às 16:48
Olá Neo
Hoje é Domingo e tenho estado a trabalhar, vim aqui fazer uma pausa para me animar e vejo este texto bonito, mas muito triste. Desejo-te um resto de Domingo feliz, para cima, mais alegre e menos nostálgico.
Beijinhos e sorrisos
De NEOABJECCIONISMO a 27 de Julho de 2008 às 18:16
Samsara. Obrigado, amiga, por me trazeres a luz da tua sabedoria.
Não é um estado de espírito, é uma necessidade de libertação de fantasmas que foram gente. Que porventura ainda são gente, os que ficaram. E que são uma parte positiva de mim.
Saúdo as tuas pausas que me trazem o teu olhar sobre o que escrevo e as palavras sempre simpáticas com que brindas os meus textos.
Beijinhos e sorrisos
De menina sonhadora a 27 de Julho de 2008 às 19:41
Depois de ler este belo texto so te posso desejar uma semana mais feliz e menos nostalica
bjs
De NEOABJECCIONISMO a 27 de Julho de 2008 às 20:21
munina_sonhadora.
Ainda tiveste um pouco de ti para passar por aqui.
A vida também se faz de nostalgias. Espero bem que só as sintas daqui a muitos anos. E de mistura com momentos mais felizes.
Uma boa semana para ti, sonhadora.
Beijos
De Divine a 27 de Julho de 2008 às 22:15
E a vida segue o seu curso. É como um rio vai deixando uns braços de água pelo caminho mas não para…
É assim também na amizades, nem todas resistem ao tempo, não porque sejam fracas em termos de afectos mas porque vamos trilhando outros caminhos cada um segue uma estrada e nem sempre se voltam a cruzar..
Outros vão deixando de existir porque isto de viver não tem segredos começamos e acabamos é um certificado de nascença: vais morrer.
As lojas, as famosas lojas de bairro vão dando lugar a grandes superfícies comerciais e as tertúlias de outros tempos deixaram de fazer parte dos hábitos quotidianos.
As idas à praia tomar banho desnudado agora não convêm arriscar já que estas sem roupa podes acabar por perder também a vida..
É isto a evolução da nossa sociedade …
Tudo muda e tudo se transforma mas como é bom termos memórias e podermos recordar, os amigos, os momentos, que bom que é recordar.
Beijo

De NEOABJECCIONISMO a 27 de Julho de 2008 às 23:09
Divine.
Eu penso que se remexermos onde ainda é existência de nós, os fantasmas ganham vida, vestem roupas novas e aparecem-nos onde e quando menos os esperamos.
Sabes que encontrei dois dos outros ontem e hoje? Já não os via há mais de 20 anos e não fui eu que os reconheci. Ouvi o grito do meu nome, a exclamação de surpresa por me acharem vivo ainda. E isto exalta de nós, exalta de mim uma certa consciência do ser. A de saber que nunca vamos estar sós. Na nossa memória e na dos outros, porque nos tiveram e os tivemos, um dia, existe um halo de alerta que nos sublima.
Beijos
De menina sonhadora a 28 de Julho de 2008 às 11:46
bonito conselho o teu, nao deixarei nunca que me amem so o corpo, aliàs quando isso acontecer deixarei de amar...
bjs
De NEOABJECCIONISMO a 28 de Julho de 2008 às 12:57
munina_sonhadora.
Bom dia amiga.
Vejo que optas por responder aos comentários feitos no teu blog, nos blogs de quem te comenta. É uma ideia original.
Fico feliz por pensares como dizes. O amor é um sentimento tão vasto que o sexo só por si não basta.
Beijos
De mimi a 28 de Julho de 2008 às 14:18
Olá Neo todos nós temos amigos a quem perdemos o contacto.É a vida que nos afasta deles.Quanto ao suicídio já houve na minha família, mas não com os amigos.Beijinhos.
De NEOABJECCIONISMO a 28 de Julho de 2008 às 16:24
mimi.
Fresca e airosa vinda de um fim de semana que estimo tenha sido diferente de todos os outros.
E cá estás a marcar a tua presença, com o teu espírito jovem. O teu sorriso sedutor, num corpo de menina .
Ás vezes lembra-mo-nos que tivemos amigos, companheiros de andanças, aventuras, cumplicidades.
Lembra-mo-nos que invariavelmente há o pôr do Sol, fascinante, de tons alaranjados ou vermelhos. E há o nascer, ainda fresco, rompendo os vapores da aurora.
E é como uma mulher bela ao levantar-se, sorrindo dos sonhos maravilhosos que sonhou.
Beijinhos. Uma tarde boa para ti. Está quase.

Comentar post